quarta-feira, 4 de maio de 2016

Estações da alma

Minha alma tem estações como os anos têm emoções.
Minha alma tem outonos, invernos e verões.
Minha alma tem primaveras, coloridos e tensões.

Meus invernos são solidão e tristeza
Entre a escuridão e a pureza
Inverno seco de choro engolido
Daqueles que fazem o corpo tinir de frio.

Meus outonos são calmaria
Nem aquece e tampouco esfria
Às vezes chove, é saudade do verão.
Sopra um vento suave que refresca o coração.

A primavera da alma é nostalgia
Cada flor é lembrança querida
Chove lágrimas de alegria
E o sol aquece e espanta a melancolia

Meus verões são quentes
Como os desejos ardentes
Chove bastante, suor constante

Minha alma tem estações como os anos tem emoções
No clima se inclina
Calendário permanente
Inconstante e inconsequente.


Brener Alexandre 28/04/2016

Nenhum comentário: