sexta-feira, 26 de abril de 2013

Amor- Amizade III


Nunca senti alegria maior do que aquela que sinto quando estou contigo.
Nem me sinto sozinho quando vejo teu sorriso.
É agradável a companhia que ausculta o coração.
Permita- me que eu ausculte o seu também, quero que os nossos corações batam harmoniosamente.

A alegria que o teu ser me proporciona é diferente de qualquer alegria que já senti
A solidão inexiste, pois teu abraço ilumina as trevas e recolhe a minha solidão.
Companhia deleitável, doce e suave, tua pele junto da minha me faz sentir como se uma brisa tocasse meu corpo num dia de sol quente.

Se amar é se alegrar, é se comprazer, se amar é desejar estar junto, quero então,
te amar e o que peço é que me ames para que dois corações amigos possam viver a alegria de redescobrir todos os dias as cores da vida e pintá-las no cinza ou no branco da tela da existência em cores vivas a felicidade.

Nenhum comentário: