sexta-feira, 24 de maio de 2013

Persuasão II




Tudo o que tenho são palavras despojadas
Frases simples, objetivas.
Tudo o que tenho são palavras sinceras
Em frases que revelam minhas fraquezas, minha fragilidade

Não sou forte, nem tenho o dom de convencer
Não sei falar, não sei escrever
Não sou poeta, e nem filósofo, quem dera os ser!

Tudo o que tenho... tudo o que sou...
Palavras francas, gestos sincero, inocentes até...
Desejos de viver bem
Desejos de construir junto
Desejos de liberdade.

Tudo o que sou, tudo o que tenho...
Fraquezas e misérias... sou humano!
Tentativas entre erros e acertos... sou humano!
Perscruta meu coração e examina, se por acaso minto..
Esse é o meu único argumento...
Minhas únicas palavras...
É entrega sincera... é entrega generosa...
Confissão sem confidente
Persuasão que não convence
Fragilidade do meu discurso
Verdade...
Desculpa esfarrada...
Silêncio tagarela.


Nenhum comentário: